Tratamento de lodo de aterro: uma proposta baseada na perspectiva da bioeconomia circular

Research, Society and Development(2022)

Cited 0|Views4
No score
Abstract
O cultivo de microalgas em resíduos líquidos surge como uma possibilidade biotecnológica devido à sustentabilidade do processo, uma vez que poluentes presentes em resíduos como nitrogênio (N) e fósforo (P) são utilizados por esses microrganismos como nutrientes para seu crescimento e produção de biomassa com valor adicionado. O objetivo deste trabalho foi desenvolver um protótipo de fotobiorreatores para remoção de nutrientes: nitrogênio e fósforo através do cultivo da microalga Chlorella vulgaris em lixiviado de aterro sanitário diluído em efluente doméstico. O cultivo teve duração de 28 dias onde foi avaliada a remoção de nutrientes nitrogênio e fósforo, bem como o crescimento de microalgas. Os melhores resultados de crescimento de microalgas foram obtidos em fotobiorreatores contendo 100% de efluente doméstico e 15% de chorume com concentração de clorofila de 2.277,08±247,21 µg.L-1 e 223,12±17,44 µg.L-1, respectivamente, no 21º dia de cultivo. Com relação à remoção de nutrientes de nitrogênio e fósforo, foi possível observar que a espécie utilizada neste estudo apresenta boa eficiência, cerca de 72,36% para nitrogênio e 44,32% para fósforo ao final do cultivo.
More
Translated text
AI Read Science
Must-Reading Tree
Example
Generate MRT to find the research sequence of this paper
Chat Paper
Summary is being generated by the instructions you defined